Ela – a Depressão

"Olá, meu nome é ELA Figa e Ela é minha companheira há 2 décadas e meia, e por isso já nos conhecemos muito bem."

Olá, meu nome é ELA Figa e Ela é minha companheira há 2 décadas e meia, e por isso já nos conhecemos muito bem. 

A conheço tão bem que me recuso a ignorá-la. Prefiro sempre olhá-la olhos nos olhos,

meu sorriso contra o sorriso amarelo dela, 
meu desânimo contra a arrogância dela, 
minha força contra a força dela.

E assim, lá vou conseguindo lidar com Ela, tentando estar sempre de coluna reta, não abaixando a cabeça e os ombros.

Sou ELA e Ela é minha companheira indesejada. Mas eu estou sempre pronta para as lutas que Ela tem para mim, pois Vergo mas não quebro.

Não quebro porque aprendi a pedir ajuda. Uma das mãos que me foram estendidas, foi a poesia.

E tenho escrito para Ela. E assim vamos nos compreendendo, e até hoje, temos conseguido não cair na tentação de usar uma solução permanente

para as dores que são sempre temporárias.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Vera Figueiredo

Vera Figueiredo

"Patxê parloa que cresceu em São Vicente, e que fala o crioulo com sotaque de S. Antão. Relações Públicas de formação, ambientalista de coração, adora ler, e escrever é a forma que encontrou de enfrentar os demónios e os anjos que habitam em si. Deve à minha mãe o gosto pela escrita e o tom sarcástico. Escreve mais prosa do que poesia e é sempre sobre a realidade do outro entrelaçado com a sua, com doses q.b de ironia. Uma “contadora de estórias dos outros” e se não fosse Relações Públicas, seria Astronauta"

OUtros artigos